Fotografo: Reprodução
...
Sem Legenda

Os brasileiros ficaram em alerta sobre os riscos que envolvem o aparelho celular, após a divulgação da morte de uma adolescente de 14 anos, no Cazaquistão, causada pela explosão da bateria do aparelho, que estava embaixo do travesseiro da menina.

Em 2018, 23 pessoas morreram no Brasil em 41 acidentes envolvendo carregadores, segundo a Associação Brasileira de Conscientização dos Perigos de Eletricidade (Abracopel). Dois incêndios, gerados pelo mesmo fator, foram registrados em Minas Gerais, mas sem mortes.